Construtora Marketing

Marketing de conteúdo na geração de leads para construtora

cafés e materiais sobre mesa de trabalho

O marketing de conteúdo é uma das estratégias mais poderosas para conquistar novos clientes para sua construtora. Por meio de um conjunto de técnicas, que envolvem desde o bom trabalho com mídia e divulgação até estudos precisos de palavras-chave e otimização de sites para sistemas de busca (SEO).

Ao trabalhar de maneira assertiva com alguns ou todos os aspectos que o marketing digital abrange, é possível trazer novos clientes em potencial e, claro, manter próximos os que já estão na base de seu negócio.

Uma das estratégias que mais se mostra efetiva, é o inbound marketing. Ele precisa estar entre suas prioridades e deve ser levado em conta na hora de desenvolver o seu planejamento.

Unido a ele, você precisa investir em outro ponto importantíssimo para que toda a estratégia funcione: o marketing de conteúdo. Sem ele, o inbound terá praticamente nenhum efeito, pois os textos e materiais ricos (sobre os quais falaremos em breve) são o aspecto central da geração de leads a partir deste conceito.

|Serviços para gerar HOT LEADS para construtoras|

Você quer entender mais sobre como o marketing imobiliário pode se valer de conteúdos de qualidade e como eles estão relacionados à estratégia de inbound marketing? Confira este artigo que preparamos e aprenda a aplicá-los ao seu site e à sua empresa para gerar leads e aumentar seu número de clientes!

Afinal, o que é marketing de conteúdo?

mulher usando teclado de computador

Você já acessou o site de alguma empresa e encontrou o link para o blog próprio? Se você costuma ler esse tipo de conteúdo, precisa entender que cada texto ali tem sua importância para a estratégia daquela construtora ou imobiliária, principalmente se estivermos falando de um negócio que investe em inbound.

Porém, além dos artigos ali hospedados, existem outros canais e possibilidades estratégicas para reforçar as estratégias de marketing digital.

Veja abaixo alguns pontos importantes:

Textos para blog

Os textos para blog são uma das partes mais importantes do marketing de conteúdo, e consequentemente do inbound marketing. São eles que irão servir como base para o enriquecimento de materiais como os e-books, landing pages e peças de e-mail marketing. Além disso, eles têm papel importante no crescimento orgânico (sem investimento em anúncios) do site.

São produzidos visando impactar diferentes etapas do funil de vendas e também buscam levar o usuário do topo ao fundo, onde está o leitor mais qualificado para a conversão.

E-books

Os e-books estão entre os conteúdos chamados de “materiais ricos”, e são mais extensos que os artigos de blog (normalmente contém de quatro a cinco vezes o número de palavras desses textos).

Também são direcionados para etapas específicas do funil e costumam servir para gerar leads diretamente, principalmente por meio de landing pages feitas especificamente para eles – normalmente é necessário colocar e-mail e, em alguns casos, outros dados para poder fazer o download do conteúdo e aproveitá-lo.

E-books podem ter linkados em seu texto alguns artigos feitos para o blog, e normalmente, mesmo que sejam feitos para topo de funil, tem algo ligado ao negócio ou pelo menos uma breve apresentação da empresa ao final.

Landing pages

As landing pages são pequenas páginas hospedadas no mesmo domínio do site que servem para trazer, por meio de download ou até mesmo um texto pronto, alguns conteúdos para apreciação dos potenciais leads. Elas apresentam bem menos detalhes e conteúdo do que uma página comum, pois o centro é o que ela está oferecendo.

O foco principal de uma LP é a conversão, sempre. Por isso ela não apresenta nenhuma distração para o leitor. No caso de um novo lançamento, por exemplo, existiria uma foto do empreendimento, alguns detalhes de primeira importância, atrativos, sobre ele e, então, um espaço abaixo para inserir seus dados e receber um conteúdo específico ou realizar uma ação, como entrar em uma lista de e-mail ou até mesmo de ligações para vendas.

Entretanto, o mais comum mesmo, principalmente em uma estratégia de inbound marketing, é que as landing pages ofereçam conteúdos como e-books, infográficos ou até mesmo modelos de planilhas.

| SERVIÇOS PERSONALIZADOS PARA CONSTRUTORAS|

E-mail marketing

O envio de e-mails é outra parte importante da estratégia de inbound marketing, principalmente para nutrição de leads – muitas vezes conquistados por meio das landing pages. O comum é que seja feito um fluxo de automação de e-mails, ou seja, a cada novo e-mail lido ou com o qual haja interação, o lead receberá outro, e então outro.

Assim, com e-mails que linkam artigos e mostram outros conteúdos, o lead vai caminhando e descendo pelas etapas de funil, saindo do topo e chegando ao fundo para, finalmente, chegar à conversão.

Redes sociais

Conteúdos para redes sociais, hoje, são imprescindíveis para divulgar uma ação de marketing. Instagram, Facebook e LinkedIn devem ser as prioridades e precisam trazer novos interessados, visto que têm grande potencial.

No Instagram, o conteúdo precisa ser mais direto, com ênfase em imagens de empreendimentos, por exemplo, pois ele não aceita links aplicados especificamente às legendas das postagens, somente na biografia do perfil.

O Facebook, por sua vez, permite replicações do link de conteúdos do blog, aumentando o potencial de abrangência e cobertura dos artigos, que não necessariamente precisam ser acessados por meio de buscas orgânicas.

No caso do LinkedIn, o conteúdo precisa ter uma linguagem um pouco mais voltada ao profissional, devido ao público que lê o que é publicado nas redes. Ele também permite que você replique conteúdos do blog

Vale lembrar que, quanto mais acessado for um artigo, melhor ele será visto pelos buscadores, pois será entendido como um texto relevante para a resposta relacionada à palavra-chave principal.

Como iniciar uma boa estratégia de marketing de conteúdo?

bolas de papel laranja formando lampada

O primeiro passo para começar a produzir conteúdo é conhecer seu público e também seus leads em potencial. Entender como eles pensam e o que eles gostariam de ler e saber é essencial para criar conteúdos realmente relevantes e apostar nas palavras-chave certas.

A relevância necessariamente faz com que leads surjam, mas sim educará seus contatos e terá potencial orgânico, no caso de artigos de blog, ou engajamento, no caso das redes sociais. Porém, para acertar, é sempre importante ter noção do que o seu público quer saber.

Confira como criar uma estratégia consistente de marketing de conteúdo que trabalhe junto com o inbound em sua empresa:

  1. Crie um blog em seu site

Converse com um desenvolvedor web sobre a criação de um blog integrado ao seu site. Isso é essencial para que os seus artigos publicados no CMS sejam realmente funcionais, pois se não for assim, as linkagens internas não terão o mesmo efeito, e ao clicar em um link que leve para o site da empresa, os buscadores interpretarão que isso pode ser um abandono de página, aumentando a taxa de rejeição. Portanto, invista em um blog integrado ao site!

  1. Tenha perfis nas principais redes sociais

Se você ainda não tem perfis corporativos nas redes sociais, você realmente não entrou na era digital. Faça agora mesmo páginas no Facebook, Instagram e LinkedIn! Elas serão muito importantes em suas empreitadas no marketing digital.

  1. Faça um bom trabalho de SEO

Desde a busca primária de palavras-chave até a otimização dos artigos, todo o trabalho de SEO deve ser feito com máxima eficiência e assertividade. Procure estudar os concorrentes e entender o que os clientes deles procuram.

Aposte nas melhores palavras e use-as na construção do artigo, e então pense em quais serão aplicadas para topo, meio e fundo do funil de inbound. Além disso, é importante desenvolver uma persona – um “avatar” que é criado com base no público-alvo com nome, interesses, dores e objetivos – que atenda às especificações do que a empresa busca como objetivo de clientes e leads.

Para otimizar os artigos, tente sempre trabalhar com a palavra-chave no título, na introdução, em subtítulos e, claro, algumas vezes durante o texto. Busque aplicar uma “hierarquia” de cabeçalhos na hora de produzir o conteúdo e, na hora de usar imagens, não esqueça de aplicar um “alt text” e nomeá-las corretamente.

Um plugin que pode ajudar muito, no caso do WordPress, é o Yoast, que te ajuda a ter parâmetros do quão bom está seu artigo em termos de SEO. Ah, sim, e não esqueça nunca da meta description!

  1. Exemplos de conteúdo

Focando em inbound marketing e imaginando como cenário uma construtora tentando vender um empreendimento específico, por exemplo, no Jabaquara, em São Paulo, podemos exemplificar três conteúdos, um para cada etapa do funil:

  1. Topo – Como escolher o apartamento ideal para sua família, com a palavra-chave “como escolher apartamento”.
  1. Meio – Quais os melhores lugares para morar em São Paulo – Jabaquara, com a palavra-chave “melhores lugares para morar em São Paulo” ou “lugares para morar em São Paulo”. Neste artigo pode ser mencionada e linkada uma página que mostre os imóveis à venda da construtora na região.
  1. Fundo – Conheça os melhores imóveis para comprar da (nome da empresa), com a palavra-chave “imóveis para comprar” ou, se quiser algo mais fundo ainda, você pode colocar o nome da própria empresa como palavra-chave. Neste artigo, vale linkar uma landing page do empreendimento que pode levar direto para um contato com um corretor.

Lembre-se: isso tudo dependerá da persona! Nesse exemplo, a persona é alguém que busca um bom apartamento em São Paulo e não consegue encontrar a melhor opção para investir.

Gostou do artigo? Continue acompanhando as melhores dicas em marketing para construtoras AQUI!

Marketing de conteúdo na geração de leads para construtora
5 (100%) 1 voto